5 dicas para ser um bom líder

Tempo de leitura: 3 minutos

5 dicas para ser um bom líderSer um bom líder exige muita competência, auto-confiança e comprometimento. Além disso, para manter uma boa liderança, deve-se ter paciência, humildade e sensibilidade para entender o ser humano. Afinal, estamos falando do relacionamento e coordenação de um grupo de pessoas que também possuem suas fraquezas, suas qualidades, dias bons e ruins. Por isso, cabe a um bom líder, saber gerenciar todas essas condições paralelas sem perder o foco em suas metas e resultados.

Tenha respeito com quem você lidera

De fato, um líder tem que sempre exigir o comprometimento de cada um de sua equipe e que eles dêem o melhor de si. No entanto, isso não lhe dá o direito de faltar com respeito, assediar-lhes moralmente ou utilizar palavras ofensivas. Um bom líder sabe que não precisa agir dessa forma para que sua equipe siga suas ordens. O respeito mútuo é essencial em qualquer tipo de relação.

Jogue junto com seu time

Ninguém é melhor do que todos juntos. Um bom líder não pode deixar de esquecer que é o capitão de um time. Se ele ganha, todos ganham. Se ele perde, todos perdem. Não pode existir o “time da chefia” e o “time dos colaboradores”. Todos têm que jogar em equipe. Um bom líder deve saber batalhar por esse entrosamento, passar confiança, ser referência e tornar-se um profissional admirado pelo grupo que comanda.

Jogue junto com seu time

 

Motive seus colaboradores

Como mencionado anteriormente, estamos falando de liderança de pessoas. Um bom líder precisa ter sensibilidade na hora de tentar entender por que o rendimento de um colaborador está caindo. Deve lembrar que por trás deste profissional existe um ser humano com problemas, limitações e até mesmo frustrações em relação ao trabalho. Converse. Compreenda. Tente entendê-lo e busque encontrar uma solução em conjunto.

Motive este colaborador apontando quais são as suas principais qualidades e aprenda a explorar melhor isso nele. Dê um projeto para que ele possa desenvolver. Faça com que ele se sinta ativo e com prazer por aquilo que faz. Incentive-o a dar a volta por cima e a tornar-se um profissional de destaque. Busque o seu brilho.

 Explique onde está o erro

Todos nós estamos aptos a cometer erros tanto na vida profissional quanto pessoal. Mas os erros servem para aprendermos a ser uma pessoa melhor e um profissional mais bem instruído. Por isso, quando algum de seus colaboradores cometer alguma falha durante o trabalho, dê a sua advertência, mas mostre e explique o porquê. Aponte onde foram exatamente as suas falhas. Ele precisa entender o que realmente se passou para que não torne a cometê-las novamente.

Ouça o que a sua equipe tem a dizer

Muitas vezes ouvir as ideias e sugestões de sua equipe pode aumentar ainda mais a relação de respeito e confiança entre vocês. É interessante, em alguns momentos, saber o que eles pensam da empresa e de sua gestão. Você não precisa aceitar e acatar a tudo, no entanto, é válido para um momento de reflexão e aprimoramento. Faça um balanço de tudo o que foi dito e identifique o que você realmente pode e deve mudar, e o que deve manter. Deste modo, também é possível prever as oportunidades e ameaças futuras e preparar-se para o que pode vir pela frente.

Lembre-se: Ninguém é tão grande que não possa aprender, nem tão pequeno que não possa ensinar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *