Afinal, como fazer um bom discurso? Nós explicamos!

Tempo de leitura: 6 minutos

Como fazer um bom discurso

Os discursos podem ser utilizados em diversas ocasiões, como apresentação de reuniões na empresa, curso de capacitação, festas familiares e tantos outros eventos organizacionais ou sociais.

Saber como fazer um bom discurso é um grande passo para abrir muitas portas para o desenvolvimento da carreira e crescimento profissional, pois a arte de falar requer algumas técnicas.

Você tem um discurso a apresentar e ainda não sabe como fazer? Então, continue lendo este artigo!

Fazer um curso de oratória

A prática de falar é uma das maneiras mais utilizadas para as pessoas se comunicarem, por isso é importante que ela seja bem feita. O curso de oratória é um excelente recurso para quem sofre com timidez, insegurança e medo de falar em público.

O curso de oratória é eficiente para desenvolver as suas habilidades de comunicação e crescer profissionalmente, afinal, um profissional competente precisa saber se expressar com segurança e determinação.

A oratória é considerada uma arte, pois tem algo de subjetividade, o carisma. Mas também é reconhecida como ciência por ter técnicas específicas para o seu bom desenvolvimento.

A pessoa que tem a oportunidade de praticar um curso de oratória tem a vida transformada, com comportamentos diferenciados quando precisa falar em público, desenvolvimento profissional e pessoal, elevação de autoestima, autoconfiança e diversos benefícios que ajudam no contexto geral da sua vida.

A metodologia utilizada no curso de oratória é aplicada de forma que o seu resultado seja certeiro, é um progresso para todas as ocasiões e situações da sua vida por meio da inteligência emocional.

Conhecer o público para quem o discurso será direcionado

Uma forma de apresentar bem o discurso é escolher a linguagem que será utilizada. A linguagem deve ser compatível com o público que estará como ouvinte. Por exemplo, caso você vá discursar para jovens, é bom usar uma linguagem leve e descolada, ser mais sorridente e até fazer algumas leves brincadeiras para descontrair no intervalo das falas.

Já para adultos e, dependendo da classe (se são profissionais de determinada área), o seu discurso deve ser mais técnico e falar palavras próprias da profissão.

Conhecer o público-alvo é determinante para você saber se seu discurso deve ser totalmente formal, se pode inserir alguns momentos de informalidade ou se é totalmente informal.

O público também define a metodologia que você vai utilizar. Em alguns casos, é preciso apresentar dados, cases de sucesso, estudos científicos e outros pontos importantes para a compreensão do discurso.

Desenvolver um roteiro com antecedência

Uma forma de você se sentir seguro e falar sem atropelos é construindo um roteiro bem detalhado do começo ao fim do seu discurso. Porém, é importante se lembrar que, mesmo que algumas partes sejam lidas, o público merece que você volte o olhar para ele diversas vezes ao falar. O roteiro deve conter introdução, desenvolvimento e conclusão.

Na introdução você apresenta o tema de forma a conquistar a atenção dos seus ouvintes e engajá-los para ficarem atentos no decorrer do discurso. No desenvolvimento você vai falar literalmente do tema, seguindo a ordem do planejamento, e explicar o passo a passo que foi elaborado. Ao concluir o discurso, ele deve ser encerrado com chave de ouro. Nessa hora, o orador deve sensibilizar o público e motivá-lo ao objetivo do discurso.

Para que um discurso seja dinâmico, você deve ler apenas os tópicos, explicá-los naturalmente conforme seus conhecimentos, portanto, inteire-se sobre o assunto antes de apresentá-lo. Resumindo, você deve:

  • observar para qual público você vai falar;
  • definir o tema central;
  • definir como falar (recurso a ser utilizado);
  • saber onde falar (ao vivo, na internet, na TV);
  • saber quanto tempo vai falar.

Organizar o discurso em tópicos e subtópicos

Um discurso bem estruturado é capaz de cumprir com os seus objetivos facilmente. Quando ele é bem planejado, o público é capaz de escutar e compreender a mensagem transmitida. Ao escrever o seu discurso, é importante deixar bem esclarecidas todas as informações para os seus interlocutores.

É bom seguir todas as etapas, como escolher os dados e as informações que serão apresentadas. Em seguida, coloque isso, especifique tudo em tópicos, tomando o cuidado de que eles estejam relacionados em uma apresentação lógica. Isso evidencia a compreensão do assunto explanado.

Para que o discurso seja apresentado com sucesso, é importante aplicar algumas técnicas, como dividi-lo em introdução, desenvolvimento e conclusão, isso é o básico. O desenvolvimento deve ser mais trabalhado, pois é nele que as informações vão ser inseridas.

Elabore tópicos e subtópicos para explicar com mais detalhes e lembre-se que apresentar detalhes enriquecem o discurso, porém eles não devem ser extensos. Na verdade, o discurso deve ser mais falado do que lido, pois o público, em alguns casos, precisa interagir e você precisa estar atento para essa dinâmica.

Treinar o discurso

Esse passo é extremamente importante, pois o treino demonstra como você vai fazer no dia da apresentação. Leia o discurso algumas vezes para observar as pontuações e quais entonações de voz você vai precisar aplicar. Não se esqueça que elas devem acontecer conforme cada tópico e subtópico a serem abordados.

Convide os seus familiares ou amigos para participarem do seu ensaio. Mas caso você não tenha esse público disponível, ensaie em frente ao espelho para você mesmo. Essa é uma boa estratégia para fazer uma autoavaliação. Seja crítico consigo para evoluir a cada momento de ensaio.

Como observamos, é necessário entender como fazer um bom discurso para ter sucesso nas suas apresentações. Para isso, é indispensável um preparo prévio e a utilização de estratégias e técnicas específicas para esse assunto. Por isso, indicamos buscar um curso de oratória para aprender de maneira segura sobre como discursar com propriedade. A Methodus é uma empresa que ministra cursos e consultorias de oratória, leitura dinâmica e administração do tempo.

Gostou do artigo? Viu só como fazer um bom discurso não é um bicho de sete cabeças? Para ampliar seus conhecimentos sobre o assunto, leia um pouco mais sobre o curso e oratória. Isso vai ajudar você a aperfeiçoar as suas práticas. Boa leitura e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *