7 habilidades de um líder que você não pode deixar de desenvolver

Tempo de leitura: 6 minutos

Habilidades de um líder

Para se tornar um, o primeiro passo é entender as principais habilidades de um líder e quais são elas que você precisa desenvolver. Seja ser uma pessoa mais empática, parceria com equipe, gestão do tempo, entre outras. Todas elas serão fundamentais para contribuir com o crescimento de todos e, obviamente, os resultados do time.

Nesta tomada, o gestor de cada área é de extremamente para o desempenho da empresa. Eles são os responsáveis pela linha de frente e garantir que todos os processos do departamento sejam executados. Por essa razão, é tão solícito que o mesmo desenvolva skills de destaque e promovam os bons resultados do negócio.

Todavia, não basta que ele tenha essas habilidades em seu trabalho, é preciso que elas sejam trabalhadas de maneira mais aprofundada e assim, exercer suas funções e de toda equipe de maneira efetiva, de acordo com os objetivos da empresa.

Você sabe quais são essas habilidades que são requisitas para todo líder? Caso seja seu interesse entender melhor quais são e quais delas você precisará desenvolver para se tornar um excelente gestor, aproveite a leitura deste artigo. Listamos sete principais habilidades que precisam estar na ponta da língua!

As 7 principais habilidades de um líder que todos precisam ter

Não significa que quem não as tenha, não estão preparados para se tornar um importante gestor, muito pelo contrário. A pessoa que mostra ter interesse e a humildade em desenvolvê-las, mostra que reconhece a importância do desenvolvimento contínuo, independentemente do estágio o qual está inserido na organização.

Sabendo disso, levantamos algumas das habilidades que são vistas como as mais importantes para os gestores que desejam crescer juntamente da sua equipe. Confira quais são elas.

1. Credibilidade

Para começar a apresentar as principais habilidades vamos comentar sobre a credibilidade e, consequentemente, honestidade. Um gestor deve ser considerado como uma âncora para seus liderados. Aquela pessoa que será o grande parceiro para as entregas de toda equipe, assim como qualquer outro assunto que necessite de um suporte.

O gestor com credibilidade é reconhecido pela sua transparência não somente com a equipe, mas com toda empresa. Isso mostrará que ele é gestor com que possamos confiar e caso alguma situação exige maior suporte do líder, a equipe poderá contar com ele.

2. Empatia

Empatia é muito mais que se enxergar no outro, é aspirar o que o seu liderado deseja, é seguir os seus caminhos, é entender a personalidade e a carga histórica que ele carrega. Quando trabalhamos com um gestor com essa habilidade, sabemos que nem tudo é apenas esperar a entrega de tarefas e apresentar resultados, mas que há uma pessoa ali com que pode-se confiar e que será um grande apoio para sua carreira.

3. Comunicação

Assim como qualquer relação, seja ela entre família, amigos e amorosa, no trabalho requer que existe uma comunicação clara, persuasiva, objetiva e precisa entre ambas partes. Por esse motivo, o gestor deve ter a consciência da importância desse ponto para o seu departamento e liderados.

Isso não significa que ele deve estar acessível a todo mundo, pelo contrário, mas deverá garantir que quando for feito o contato, o colaborador terá o retorno de seu gestor. Além disso, a comunicação também deverá para todos os níveis, ou seja, independentemente do cargo da pessoa, todos terão direito a receber a mesma mensagem, caso seja necessário.

4. Pensamento crítico

Por que o pensamento crítico é tão importante nesse momento? Ele é importante porque um gestor precisa instigar a sua equipe, seja nos seus resultados, projetos, tarefas e até mesmo no relacionamento entre todos. Isso não significa que devemos criticar apenas por criticar, devemos mostrar a importância em pensar, analisar e encontrar a melhor saída para cada situação.

Bons líderes precisam tem pensamento crítico por dois motivos: para avaliar o efeito e a consequências de suas próprias decisões. Com esse tipo de atitude, ele poderá avaliar as regras e políticas da empresa, no intuito de facilitar o trabalho da sua equipe e resultados dela.

5. Equilíbrio emocional

Muito se fala sobre inteligência emocional, certo? E não é à toa que esse tema está em alta. No dia a dia organizacional, é comum encontrar situações que sejam difíceis de lidar, como intrigas, pressões, intolerância. Isso vai acontecer, de uma forma ou de outra e será necessário manter a calma. Aqui, o papel líder é trabalhar nesses momentos de maneira pacífica, tomando as melhores decisões e inclusive, sabendo superá-las da melhor maneira possível.

Além de ser empático, tema que já abordamos anteriormente, o profissional com essa skill ajudará os envolvidos em questão a superar suas dificuldades e evoluir a partir do que foi vivido. Lembrando que o gestor não deve apenas apartar a situação, mas sim, mostrar como resolver a situação.

6. Autoconhecimento

Conhecer a si mesmo nem sempre é uma tarefa fácil, seja para qualquer etapa da vida. Mas aqui, em um ambiente de trabalho e sendo o líder de várias pessoas, essa habilidade requer ainda mais atenção. Isso porque cada uma das suas características vão influenciar o trabalho, a entrega e a carreira de várias pessoas.

Tendo o autoconhecimento do que você é e como age diante das situações mostra que se preocupa com o raio da influência exercida em seus liderados, colegas e, até mesmo, superiores. Esse conhecimento é fundamental até mesmo para o desenvolvimento das demais habilidades que foram listadas aqui,

7. Capacidade de delegar tarefas

Uma das maiores dificuldades enfrentadas por gestores, independentemente da área, é saber descentralizar as suas tarefas e dividir com sua equipe. Isso acontece porque acreditamos que tudo em nossa volta é nossa responsabilidade.

A verdade é outra, aqui é preciso saber compartilhar suas tarefas e acreditar no potencial da sua equipe para executá-las. Um gestor tem como premissa ser menos operacional e mais estratégico, então saiba quando é a hora de passar para frente.

Além disso, quando compartilhamos com os colaboradores, estamos confiando que os mesmos são capazes de realizar e até mesmo, evoluir na vida profissional. Esse tipo de prática mostrará, se a pessoa está apta a alavancar sua carreira e se tornar um líder futuramente.

Adiantamos que as melhores habilidades de um líder não significa que todos os gestores devem as ter desde já. É importante que isso faz parte do desenvolvimento, até mesmo antes do liderado se tornar um e isso ser um passo importante para mostrar que se preparou e merece a promoção. Para isso, é fundamental buscar maneiras de colocar em progresso as skills que são importantes. Existem muitos cursos que permitem investir nesse trabalho, como os existentes na Methodus.

Além das habilidades, o que é importante também para ser um bom líder. Neste seguinte artigo trouxemos alguns pontos que você precisa conhecer agora mesmo. Confira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *